In-between

In-between: Desporto, o maior inimigo de quem tem peito grande… ou talvez não

Sara Sequeira: “Para quem tem peito grande, correr pode ser um belo par de dramas. Depois, descobri o mundo dos soutiens desportivos.”

Para quem tem peito grande, correr pode ser um belo par de dramas. Falo por experiência própria, pois deixava muitas vezes de correr por desconforto e vergonha. No básico e secundário lá vinham as bocas de quem andava com as hormonas aos saltos. E, para quem é adolescente, isto pode ser o início de amor e ódio. Acabávamos por ter uma postura errada, tudo para tentar esconder o peito ao máximo. Pelo menos, aconteceu comigo e com algumas amigas minhas. Se antes ir fazer ginástica com os meus colegas era um problema, quando cresci, ir ao ginásio, então, era um caso sério. Desta vez, não por ter complexos em ter o peito grande, mas pelo desconforto que me causava ao fazer exercício. Quem nunca correu com os braços por baixo do peito para tentar controlá-las não sabe o que é ser mestre em policiamento mamário. Ficamos peritas em vários truques para as manter “silenciosas e invisíveis”.

Aqueles 15 minutos de passadeira tornam-se um inferno e a nossa mente concentra-se em controlá-las o mais possível. Mas elas têm vida própria, por isso meninas, essas mãozinhas não vão adiantar grande coisa!

Depois, descobri o mundo dos soutiens desportivos, mas, infelizmente, todos aqueles que comprei devem ter sido desenhados por homens que não sabem realmente estudar esta problemática das nossas amigas rebeldes. Até que…

Comecei a usar um modelo da Panhaché e nunca me senti tão livre para correr! Aliás, já não consigo fazer desporto sem ele. Há cerca de quatro semanas esqueci-me dele e durei três minutos na passadeira… porque quem sabe o que é bom, raramente volta atrás. Estou a testá-lo há cerca de quatro meses e sinto uma diferença enorme, não só pelo conforto mas também pela fisionomia dos peitos. Obviamente que o sinto muito mais tonificado muito graças aos exercícios que faço, mas sem dúvida que um soutien adequado faz toda a diferença no processo.

O que é que um soutien desportivo certo pode fazer por ti?

1º Mobilidade total

Falando em concreto do que eu uso, ele reduz os movimentos do peito até 83%. Elas praticamente não se movem! O que é um milagre. Mas isto só acontece porque é o tamanho certo para o meu peito. Sabiam que mais de 90% das mulheres usa um soutien de desporto no tamanho errado? Isto pode trazer consequências trágicas para o nosso peito, para não falar que, se não for feito com um tecido próprio para este fim, os tecidos vão acabando por ceder com o tempo, e o efeito de suporte desaparece.

2º Aumentam a performance e a concentração

Obviamente que se usas um soutien que te faz sentir confortável, a tua performance e concentração vai ser muito melhor. Eu falo por mim, que passava 90% do tempo a concertá-las em vez de me aplicar no exercício.

3º Aumentam a confiança

Usar o soutien certo reduz em 100% os momentos embaraçosos provocados pela vida própria das nossas amiguinhas. Nada de saltitarem, nada de espreitarem… enfim, a super nanny das nossas meninas.

4º Peito mais firme

Um bom soutien aliado aos exercícios certos podem dar mais firmeza ao peito.

Como escolher o soutien certo?

Não adianta muito fazeres extensas pesquisas na internet. Escolher o soutien certo deve ser feito por especialistas. No meu caso, foi feito pelas especialistas da Dama de Copas. E, seguramente, andei a vida toda sem saber o que era um soutien!

E vocês? Quais foram os momentos mais constrangedores pelos quais já passaram no ginásio?

Sara Sequeira
Modelo e blogger tomarense

Foto de destaque por Bruno Moura; maquilhagem por Vânia Santos


Este é um artigo de opinião. As opiniões publicadas na Tomar TV são da responsabilidade da autora que as subscreve.

Sara Sequeira
Sara Sequeira
Autora da rubrica "In-between", escreve à quinta-feira
https://www.plushakeblog.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *